Cirurgia Torácica
Médicos Procedimentos Artigos Atendimento Contato Links
Água no Pulmão

Na verdade não é "água no pulmão" - é na PLEURA!!! E o que é a pleura?

A pleura é um tipo de papel de parede que reveste a caixa torácica por dentro. Mais importante do que saber o que é a pleura, porém, é entender o ESPAÇO PLEURAL - o espaço entre o pulmão e as costelas.

O pulmão normal ocupa todo o espaço pleural, tanto na inspiração quanto na expiração. Se houver acúmulo de líquido nesse espaço, entretanto, o pulmão fica "encolhido", "murcho", e assim a pessoa pode sentir falta de ar, bem como dor.

Chapa - Água no Pulmão

Este líquido pode ser pús, pode ser sangue, pode ser água (é o que chamamos de derrame pleural). Vária situações clínicas podem provocar isto: infecções (pneumonias, tuberculose), tumores (principalmente câncer) e até disfunções de outros órgãos que não o pulmão (insuficiência cardíaca, renal, hepática etc).

Se o médico ainda não souber a causa do acúmulo de líquido no espaço pleural, geralmente a punção com agulha (toracocentese) é o primeiro passo diagnóstico, a fim de coletar uma amostra e enviá-la ao laboratório. De acordo com a análise do líquido pode ser necessária uma biópsia da pleura ou, em alguns casos, talvez até uma abordagem cirúrgica - depende de cada caso.

Mas o tratamento mais comum do derrame pleural é simplesmente esvaziar o líquido com uma agulha um pouco mais grossa, além do tratamento específico das suas causas (medicamentos antibióticos, diuréticos etc). Casos selecionados de derrame pleural recidivante podem ser tratados através da pleurodese, que consiste em provocar a "colagem" do pulmão nas costelas. Uma vez colado, o pulmão não consegue mais encolher ou murchar e, assim, não sobra espaço para acumular líquido novamente.

Dr. Ricardo H. Bammann
www.cirurgiatoracica.com.br   São Paulo - SP - (11) 3214-6661